Definidas as semifinais da seletiva para Roland Garros juvenil no PIC

Definidas as semifinais da seletiva para Roland Garros juvenil no PIC

Mateo Reyes (SC) x Gustavo Pinho (RJ), Rafael Silva (SP) x Victor Castro (PR), Lorena Cardoso (GO) x Nalanda Teixeira (GO) e Ana Paula Melilo (SP) x Ana Paula Cruz (SP) são as semifinais do Roland Garros Junior Wild Card Competition, torneio que acontece nas quadras do PIC e que classificará os campeões masculino e feminino para o qualifying do Grand Slam Francês. Os jkogos começam às 10h. A entrada é franca.

Nenhum mineiro passou às semifinais. Dos dos oito que iniciaram a disputa, quatro estavam nas quartas de finais, Marina Figueiredo, Pedro Maciel, Lucas Dini e João Victor Loureiro, mas foram eliminados.

Marina, a primeira a entrar em quadra, foi derrotada pela goiana Lorena Cardoso, 2 a 0 (6-2 e 7-5). Número 1 do ranking nacional, a mineira mostrou-se muito nervosa, chegndo a perder a oportunidade de fechar dois games, depois de ter a vantagem de 40 a 0 em ambos.

Pedro Maciel foi derrotado por Mateo Reyes (SC), por 2 a 0 (6-4 e 6-3). Mateo, aliás, é um dos dois cabças de chave do torneio masculino a permanecer na disputa. O outro é Rafael Silva (SP), que ganhou do mineiro João Victor Loureiro, por 2 a 0 (6-3 e 6-4). Outro mineiro eliminado foi Lucas Dini, que caiu para o carioca Gustavo Pinho, que venceu por 2 a 1 (3-6, 7-6 (9/7) e 6-3).

Três das quatro cabeças de chave do torneio feminino do Roland Garros Junior Wild Card Competition, torneio classificatório para o Grand Slam francês, na categoria Junior, que acontece no PIC, na Pampulha, em Belo Horizonte, Ana Paula Melilo, Ana Paula Cruz e Nalanda Silva, seguem na disputa. Na manhã desta sexta-feira, a cabeça de chave número um, a mineira Marina Hermanny de Figueiredo foi eliminada.

Marina foi derrotada pela goiana Lorena Cardoso, por 2 a 0, com parciais de 6-2 e 7-5, em jogo disputado na manhã dessa sexta-feira. Mais nova do torneio, com apenas 14 anos, Lorena dizia que ainda não havia caído a ficha de que chegara às semifinais. “Não esperava chegar tão longe. Além do mais, minha adversária era a cabeça de chave número um. Entrei preocupada com o jogo dela. Mas sabia que tinha de fazer minhas bolas, que tinha de fazer minhas bolas e comandar os pontos. Ela não poderia sair na frente. Consegui.”

Lorena vai enfrentar outra revelação, a também goiana Nalanda Teixeira que derrotou a catarinense Namie Isago, também com 2 a 0, parciais de 6-4 e 6-2. “Não fiquei satisfeita com meu jogo. Não estava conseguindo sacar. Mas consegui controlar a partida, respondendo bem os serviços.”

A outra semifinal será entre as paulistas Ana Paula Cruz e Ana Paula Melilo. Ontem, a primeira ganhou da conterrânea Érika Cheng, por 2 a 0, parciais de 6-1 e 6-1, enquanto a segunda derrotou Camilla Bossi (SP), com 2 a 0, parciais de 6-3 e 6-1.

OUTROS JOGOS
Nos outros jogos de ontem, no feminino, Nalanda Teixeira derrotou a catarinense Namie Isago, também com 2 a 0 (6-4 e 6-2). No último jogo do dia, pelo torneio masculino, Victor Castro, do Paraná, venceu Nono Portugal, de Brasília, por 2 a 0 (6-4 e 6-1).

Adicionar comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *